segunda-feira, 16 de junho de 2008

Consciência de classes

Conversa entre um trocador e um motorista de um ôninus da linha 434 (Grajaú-Leblon) sobre o shopping Leblon, reduto dos ricos da zona sul carioca:

Trocador: esse shopping não tem nada que preste. Não tem uma loja da C&A, da Di Santini ou das Casas Bahia!

Motorista: ihhh, rapaz. Isso é shopping de bacana. Eles não querem loja de pobre pra não fazer tumulto.

4 comentários:

isabella saes disse...

Essa tá boa pra mandar para aquela coluna da Revista de Domingo do Globo!!! Moça barbarizante, passe adiante o selo, não esqueça!!! Ele funciona assim: vc faz uma chamadinha para o blog da pessoa que te indicou e ainda indica mais tantos quantos quiser!! Beijos.

Bárbara Pereira disse...

Xá comigo!!!!

beijão

Kika Gada disse...

Adorei!

Surfista disse...

Nunca pisei no Shopping Leblon. Nem é por protesto. Shopping center não está na minha lista de programas preferidos.

Mas, confesso ter curiosidade para visitar o cinema de lá.